Blog posts

Decifre Roma e Vaticano em 12 pontos turísticos

Decifre Roma e Vaticano em 12 pontos turísticos

Dicas

A Itália é um dos países mais visitados pelos brasileiros. O destino atrai pela história, gastronomia e por locais mundialmente conhecidos como Roma e Vaticano. Considerado um dos maiores impérios do mundo, o Império Romano durou séculos e proporcionou muitas transformações locais e nos territórios que os pertenciam. Hoje, em Roma, capital da Itália e uma das cidades mais amadas do mundo, podemos apreciar mais sobre a cultura italiana e lugares essenciais para o visitante conhecer.

Outra cidade muito importante para o mundo, sobretudo aos ligados em religião, é o Vaticano. O menor país do mundo é também o coração da Igreja Católica e a casa do líder da religião: o Papa. A Cidade do Vaticano é uma cidade-estado cercada por Roma e apresenta locais tão incríveis como a capital italiana, com esculturas romanas e vários afrescos renascentistas, além da famosa Capela Sistina, com o teto de Michelangelo.

roma vaticano
Basílica de São Pedro

Listamos algumas das atrações que você não pode deixar de conhecer ao visitar essas duas cidades tão importantes. Confira:

O que fazer em Roma

Cidade cosmopolita com quase 3.000 anos de arte e arquitetura icônicas, Roma apresenta ruínas de locais importantes e conserva sua história nas paredes de edifícios como o Coliseu, um anfiteatro no centro da capital, construído com concreto e areia, o maior já feito pelo homem. Datado de 72 d.C., foi palco de combates entre gladiadores e espetáculos públicos. Apesar dos diversos danos causados pelo tempo, situações climáticas e até mesmo terremotos, o local ainda é símbolo da Roma Imperial.

Fórum Romano por si só já é um prédio histórico, sua localização privilegiada permite que o turista conheça outros locais importantes para a História. O Fórum era o principal centro comercial da Roma Imperial e foi, durante séculos, palco de cerimônias, eleições, discursos públicos, processos criminais e muito mais.

Talvez um dos locais mais famosos da Itália, a Fontana di Trevi é uma ambiciosa construção de fontes barrocas da Itália. A fonte é constantemente restaurada e suas esculturas limpas e polidas. A tradição diz que aquele que jogar uma moeda para a fonte, terá seu pedido realizado. Todo o dinheiro arrecadado é revertido em projetos beneficentes.

Outro ponto turístico é o Panteão, uma das estruturas romanas mais bem preservadas. O local com dois mil anos de história tem a maior cúpula de concreto não reforçado do mundo. O prédio está situado na Piazza della Rotonda e tem sido utilizado como igreja, dedicada à Santa Maria e aos Mártires.

Para os apreciadores de museus e artes, é necessário colocar a Galleria Borghese no roteiro. A coleção conta com várias esculturas e pinturas de Bernini, Caravaggio, Leonardo da Vinci e Raffaello. O museu está localizado na Villa Borghese Pinciana, um palácio construído entre 1613 e 1616.

Outra atração incrível é o conjunto de palácios romanos conhecidos como Museus Capitolinos. Uma importante coleção de obras de arte está localizada dentro dos prédios que ficam no topo da colina do Capitólio, ao redor da praça redesenhada por Michelangelo, no século XVI.

Fontana di Trevi

O que fazer no Vaticano

A Cidade do Vaticano é uma cidade-Estado soberana, cercada pela capital italiana, Roma. A sede da Igreja Católica é toda murada e tem uma população mínima, sendo considerado o menor país do mundo. O local existe desde 1929 e conta com inúmeros pontos históricos e turísticos únicos.

Dentro do Vaticano, o visitante pode conhecer uma das principais obras arquitetônicas do mundo que ainda resiste à passagem do tempo. A Capela Sistina está situada em um Palácio Apostólico, a residência oficial do líder da Igreja e do Estado: o Papa. O local é muito famoso pela arquitetura, inspirada no Templo de Salomão do Antigo Testamento e possui uma decoração especial: afrescos de artistas como Michelangelo, Rafael e Botticelli. É na Capela que acontece o conclave, o processo para a escolha para o próximo Papa.

Outro ponto muito retratado em filmes e livros é a Basílica de São Pedro e a Praça de São Pedro. A Basílica é o maior e mais importante edifício religioso do catolicismo e, consequentemente, um dos mais visitados do mundo. O interior da Basílica conta com mais de 340 estátuas retratando santos, mártires e anjos. Localizada na praça de mesmo nome, a sua construção também contou com a participação de grandes artistas da época como Bernini, Michelangelo e Rafael. Classificada como Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO, a Basílica de São Pedro foi considerada um dos maiores projetos arquitetônicos de sua época.

A Praça de São Pedro é onde os fieis costumam se reunir para ver pronunciamentos papais e é um dos principais pontos de encontro entre católicos de todo o mundo. A peregrinação é um ponto forte, uma vez que o corpo de São Pedro, um dos doze apóstolos de Jesus, foi enterrado sob o altar da Basílica. Além de São Pedro, todos os papas são enterrados no local, transformando-o em uma espécie de santuário para a Igreja Católica.

O Palácio Apostólico, outro ponto turístico do Vaticano, é visível da Praça de São Pedro. Conhecido também como o Palácio Papal, Palácio Sagrado ou Palácio do Vaticano, é considerado a residência oficial do Papa no Vaticano. Situado ao lado da Basílica de São Pedro, o complexo de construções conta com inúmeros aposentos e pátios, além dos Apartamentos Papais, Museu do Vaticano e a Biblioteca Apostólica Vaticana.

O Palácio dos Museus Vaticanos, o Cortile del Belvedere, é um complexo de edifícios perto da Basílica de São Pedro e do Palácio Apostólico. Sua construção, iniciada ainda no século XVI, abriga uma enorme coleção dos Museus Vaticanos e da Biblioteca Vaticana.

E por último e não menos importante, o Castelo Sant’Angelo, localizado às margens do rio Tibre, em frente à Ponte de Sant’Angelo. O local foi construído sobre as ruínas do antigo mausoléu do Imperador Adriano e abriga atualmente um museu.

Roma Vaticano
Praça e Basílica de São Pedro

Roma e Vaticano são duas cidades cheias de locais imperdíveis e que merecem total atenção e dedicação do turista. A região tem alguns fatores importantes para os viajantes, como são cidades históricas e bem antigas, a maioria das atrações está concentrada. É possível andar de uma para a outra, sem a necessidade de perder tempo com transporte.

Outro fator importante é que a região é peça-chave para quem quer conhecer o resto da Europa, sendo ponto de partida de vários roteiros turísticos.

Roma Vaticano
Coliseu, em Roma

Garanta seu acesso aos principais pontos turísticos com o GoCard OMNIA VATICANO E ROMA PASS. Com esse cartão você evita filas e contratempos, é só entrar e aproveitar a visita.

About the author

Aqui você encontra dicas, novidades, curiosidades e tudo relacionado à viagens! Tudo pra você que precisa de uma ajudinha pra planejar sua viagem, ou pra você, que assim como eu adora viajar e quer saber os melhores destinos. Vem com o Tio!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *